terça-feira, 26 de junho de 2012

Connie Talbot - I have a dream

Connie Talbot - I have a dream:
======================================================================== MARAVILHOSO VÍDEO ! Crianças precisam ser alimentadas com sonhos de esperança para.que um dia sejam agentes de transformá-los em realidades, como na construção da Paz. Elas são sementes de Paz. Não deixemos de ter sonhos, mas do que isso, transformemos nossos sonhos em realidade- sonhos de melhora do mundo, melhorando PRIMEIRAMENTE a nós me mesmos. Sõnia
http://wwwblogdasboasnovas.blogspot.com/ "Semeai nas mentes das crianças as sementes da Paz." Texto Bahai
atom

O portal do esquecimento

O portal do esquecimento: A ciência adverte: Cuidado quando passar por um portal. Lembranças suas podem desaparecer como em um passe de mágica.


Continue lendo »»»

sábado, 23 de junho de 2012

"AI SÃO JOÃO, SÃO JOÃO DO CARNEiRINHO.." ERA ASIM QUE EU CANTAVA NO SÃO JOÃOA...




FESTAS JUNINAS ! Todos gostam.O pessoal que nao é do Nordeste do Brasil, viaja nos meses de junho e julho, para ver as Festas , especialmente em Caruaru-PE e Campina Grande-PB. Mas, em todas as cidades, os festejos acontecem. 
Este ano devido a seca que se agrava em muitos Municípios tradcionais, como a terra do Luís Gonzaga, estão sendo privados das mesmas...


São João na infância e adolescência era asim na minha cidade - União dos Palmares- AL


Todos faziam uma fogueira pequena em frente da casa, assavam milho com casca diretamente no fogo, comíamos, pamonha, canjica,( no sul chamado de curau) tudo de milho verde , cocadas, amendoim cozido e torrado.... 
Tinha quadrilha na praça ou no clube, soltávamos balões pequenos, soltávamos fogos simples, a noite ficava iluminada,  a vida era comunitária, e conseguíamaos ver o céu cheio de estrelas !
Não tinha drogas, sequestros, nem violência banalizada. A vida era de PAZ !
E cantávamos quadrilha assim:








Cantávamos "Olha pro céu , meu amor...." Vídeo com Gilberto Gil e Luiz Gonzaga







Maria Bethânia num show com Músicas Juninas. !


Um lindo final de semana, cheio de Musica de São João....
Dance em casa, com as crianças, no bairro, na comunidade, mas dance, dance ,dance, cante, cante, cante que vamos ficar mais felizes. !!!


Sônia Maria


















atom

sexta-feira, 22 de junho de 2012

: CUIDANDO DO CORAÇÃO -.Enviado por Manijeh Kiana- Médica Pediatra e Homeopata Unicista

: CUIDANDO DO CORAÇÃO -.Enviado por Manijeh Kiana- Médica Pediatra e Homeopata Unicista:
12987252983c7va8


-


De: Manijeh Kiana
Assunto: FW: : CUIDANDO DO CORAÇÃO 
Data: 21 de junho de junho de 2012.

Manijeh  Khiana é médica Pediatra e  Homeopata Unicista, enviando-nos este artigo sobre cuidados para melhorar a saúde....Agradecendo e colocando nos Blogs. Sônia
  

Médico naturalista ensina...

Muito interessante!!!!! E simples.
Para quem não gosta, ou não tem tempo, de fazer exercícios físicos diariamente!!!!

Um médico naturalista ficava muito triste sempre que participava de congressos: constatava que os resultados, embora comprovados, não eram divulgados, "NÃO DÁ IBOPE". Passou a ensinar dois exercícios e duas ações simples que evitam problemas cardíacos:
1º. Ao acordar, deitado de barriga para cima pedalar 120 vezes no ar. Esse exercício melhora o posicionamento da coluna e da postura, diminuindo/retardando o encurvamento das costas, aliviando suas dores e, baixando a pressão;
2º. Antes do banho, exercitar a panturrilha (levantar o corpo na ponta dos pés), primeiro rápido até esquentar as panturilhas e depois uma sequência de 10 movimentos lentos. Pronto. Esse exercício bombeia o sangue para o coração, melhora os batimentos cardíacos e evita obstrução das veias. Nos primeiros 6 meses, se a pessoa estiver com excesso de peso, ela emagrece da cintura para baixo e, nos 6 meses seguintes, da cintura para cima; depois de 2 anos, não engorda mais e, além de tudo, diminui o risco de uma cirurgia cardíaca que custa em média, hoje em dia, R$ 38.000,00 e, de um modo geral, os planos de saúde nem sempre pagam.
Melhora o problema de micro varizes;
3º. Ao chegar em casa, coloque os seus pés em uma bacia com água bem quente (o famoso escalda pés - além de relaxar, esse processo desencadeia a dilatação dos vasos sanguíneos dos pés, melhora o cabelo e melhora, inclusive, a visão. Esse processo foi pesquisado com pessoas diabéticas e o resultado evidenciou a melhora na circulação sanguínea, diminuindo os casos de gangrena, o quadro geral de saúde dos pesquisados melhorou, e como um fato relevante, a melhora da visão. Evita o encurvamento da coluna;

4º. Ao perceber que a pressão subiu, coloque as pernas dentro de um balde com água muito gelada até os joelhos. Permaneça nesta imersão por 20min. Este processo fará com que o organismo, na busca de aquecer os membros inferiores, faça com que o acúmulo de sangue na cabeça desça, baixando a pressão.

Por favor repassem!
Ir para site do grupo Remova-me da lista de endereçamento do grupo


Permalink

| Leave a comment  »

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Untitled presentation Apresentação de Curso para Pré - Jovens (sonia.pfeliz@gmail.com)

Untitled presentation Apresentação de Curso para Pré - Jovens (sonia.pfeliz@gmail.com):
427716_10150716031838888_34876
Foto - National Geographic
"Apresentação de Curso para Pré-Jovens "
Visão Bahá'i apoiado pela leitura de Textos dos Instituto Ruhi.
Uma contribuição, uma tentativa para suporte e apoio.. 
Postando novamente, pois logo após a mensagem do Google,  pode- se visualizar mais rápido. Sônia
Assim fica mais fácil de vusualizar. Sõnia 
---------- Mensagem encaminhada ----------
De: sonia maria Goes (Google Docs) <sonia.pfeliz@gmail.com>
Data: 18 de junho de 2012 17:09
Assunto: Untitled presentation Apresentação de Curso para Pré - Joven

Presentation Attached: Untitled presentation
Message from sonia.pfeliz@gmail.com:
Tentando elaborar algo para facilitar apresentação para pais, maes, facilitadores, em atividades comunitárias.

Google Docs makes it easy to create, store and share online documents, spreadsheets and presentations.
Logo for Google Docs


Untitled presentation.pdf
Download this file


Permalink

| Leave a comment  »

__________________________________________________________________________________
Agora ficando mais fácil de abrir. è so clicar no pdf-Sõnia

Clarice Lispector- Poesia - Minha alma

Clarice Lispector:
Minha alma tem o peso da luz..
Tem o peso da música.
Tem o peso da palavra nunca dia,  prestes quem sabe a ser dita.
Tem o peso de uma lembrança.
Tem o peso de uma saudade.
Tem o peso de um olhar.
Pesa como pesa uma ausência.
E a lágrima que não se chorou.
Tem o imaterial peso da solidão no meio dos outros.
************************************************************************
E a nossa alma, será que não tem também este peso ?
Linda poesia. Maravilhosa Clarice Lispector !
Sônia

Conferir "Download gratuito do Livro "Apocalipse Motorizado - a tirania do automóvel em um planeta poluído", de Ned Ludd." em RETRANS - REDE TRANSCULTURAL HOLISTA

Conferir "Download gratuito do Livro "Apocalipse Motorizado - a tirania do automóvel em um planeta poluído", de Ned Ludd." em RETRANS - REDE TRANSCULTURAL HOLISTA:
1187609372tnsa7e
Postagem - divulgando noticia da Retrans..Sônia
Tecendo Redes Vivas
Eduardo Sejan…
Conferir o post no blog 'Download gratuito do Livro "Apocalipse Motorizado - a tirania do automóvel em um planeta poluído", de Ned Ludd.'
Um presente da Editora Conrad, que disponibilizou para download gratuito este livro já recomendado pelo IPETRANS: Apocalipse Motorizado. ABC fraterno
Mensagem do blog adicionada por Eduardo Sejanes Cezimbra:

A cada três minutos acontece um acidente envolvendo carros na cidade de São Paulo. Vinte mil pessoas são mortas, por ano, vítimas de acid...
Link da mensagem do blog:
Download gratuito do Livro "Apocalipse Motorizado - a tirania do automóvel em um planeta poluído", de Ned Ludd.
Sobre RETRANS - REDE TRANSCULTURAL HOLISTA
A RETRANS é tecida por pessoas em RESSONÂNCIA com a proposta TRANSDISCIPLINAR HOLISTA do IPETRANS e seus PARCEIROS em REDES .
RETRANS - REDE TRANSCULTURAL HOLISTA 2443 membros
5491 fotos
1531 videos
957 tópicos
343 eventos
2648 postagens no blog
Para controlar os emails que você receberá em RETRANS - REDE TRANSCULTURAL HOLISTA, clique aqui


Permalink

| Leave a comment  »

EDUCAÇÃO PARA PAZ- MATERIAL ELABORADO BOS TEXTOS DO LIVRO DE JUANITA DE HERNANDEZ - EDUCADORA BAHÁI

EDUCAÇÃO PARA PAZ- MATERIAL ELABORADO BOS TEXTOS DO LIVRO DE JUANITA DE HERNANDEZ - EDUCADORA BAHÁI:



K3476407
   "Educação para a Paz" - Livro  da Educadora Bahá'i Juanita de Hernandez. Tive acesso a este livro, há muitos anos atrás e resolvi fazer um resumo dos principais temas do livro, que apresento para amigos e interessados, em anexo. Durante minhas atividades bahái's em Foz do Iguaçu, ajudou-me bastante quando tinha que apresentar algo em escolas.

Repassando e desejando que sirva de suporte aos mesmos. Este livro, não o temos na Editora Bahái do Brasil, porém podemos ter acesso ao mesmo no Editorial Bahái Latino- Americana. podemos procurar no Facebook  ou solicitar informações a Editora Bahái do Brasil
Sônia Maria Góes.                                                                                                                                                                       



Educação para a Paz (2).ppt
Download this file
Permalink

| Leave a comment  »



Atom

terça-feira, 19 de junho de 2012

{EDUCAÇÃO EM SAÚDE} comunicação verbalizada +++ conscientizar, responsabilizar e libertar

{EDUCAÇÃO EM SAÚDE} comunicação verbalizada +++ conscientizar, responsabilizar e libertar:
Educação em Saúde - Dr. Olayr - Homeopata Unicista, falando sobre obesidade e sua relação com sentimentos, verdades, frustrações, no caso abaixo relatando frustrações, dificuldades, especificamente, no relacionamento entre homens e mulheres... Porém podemos aplicar nas nossas relações interpessoais, no trabalho quando enfrentamos frustrações, sem analisar os sentimentos, incapacidades,  levando a compulsão  para comer... Também após o artigo refletindo sobre  o valor do pessoa da terceira idade na Educação...
526084_305553756192445_2068077

De: Dr Olair Rafael Seeemmpre Melhorrr Pediatria-Homeopatia
Data: 19 de junho de 2012 09:55
Assunto: {EDUCAÇÃO EM SAÚDE} comunicação verbalizada +++ conscientizar, responsabilizar e libertar
Para pessoal do grupo em Educação em Saúde do Yahoo.:

...
excesso de peso pode ter muitos significados simbólicos e inconscientes. Pode representar proteção, atrair atenção, castigo, culpa, punição, dificuldade em lidar com emoções... Enfim, todos de alguma forma afetam os relacionamentos. 
Durante todos os processos de tentativa de manutenção do peso que deseja, já parou para analisar o seu relacionamento com seu parceiro?
Um exemplo muito comum é quando a esposa descobre uma traição do marido e mesmo não querendo o divórcio e ele tendo terminado o relacionamento com a outra pessoa, ela não consegue superar o acontecido. Sente que ainda o ama, mas está furiosa, magoada, e não consegue sequer pensar em ter uma relação sexual com ele. Começa a comer muito e em pouco tempo aumenta seu peso, não se cuida mais e todo tempo livre, só pensa em comer. Ele se sente incomodado, mas também não fala sobre o assunto e começa a perder o interesse em ter relações com ela. Ainda que inconscientemente ela consegue distanciar-se do marido e agora fica mais zangada e se sente completamente rejeitada e traída.
A compulsão para comer ficou fora de controle criando um círculo vicioso, quanto mais come, mais aumenta seu peso, mais distante fica do marido, ficando assim cada vez mais insatisfeita. Mas no fundo, o que ela deseja mesmo é punir seu parceiro inconscientemente. Começa a comer, engordar como forma de justificar que não quer manter relações por estar acima do peso, quando na verdade, a  causa real é sua dificuldade em assumir seus próprios sentimentos, o quanto está magoada pela traição.
O excesso de peso afeta meu relacionamento?
Agora examine seu relacionamento e perceba se seu excesso de peso afetou algo. Faça a si mesma as seguintes perguntas e pense sinceramente sobre as respostas:
- Quando comecei a ficar com o peso acima da minha média?
- O que estava acontecendo em minha vida?
- O meu excesso de peso me torna capaz de encaminhar as coisas como desejo?
- Mantenho relações sexuais satisfatórias apesar de meu peso atual?
- Eu e meu marido estamos afastados? Desde quando?
- Eu me livrei de ter de fazer algo que não quero fazer? O quê?
- Fico mais ocupada comendo do que com meu marido?
- Comecei a comer de forma descontrolada depois que meu marido fez algo que não gostei?
- Fiquei com o peso acima da minha média como justificativa para me afastar de meu marido?
Essas são apenas algumas questões para que você comece a fazer alguma relação entre seu excesso de peso e seu relacionamento. Isso vale tanto para as mulheres como para os homens. Se quiser, poderá fazer outras perguntas, o importante é buscar as causas. Ainda que tudo começou por algum motivo diferente do exemplo citado, ele serve como base para seu raciocínio.
É possível perceber ainda o quanto a falta de comunicação verbalizada faz com que o corpo demonstre que algo não está bem internamente. Se o casal tivesse conversado mais, se a esposa tivesse se sentido livre para falar de seus sentimentos ou se ele tivesse tido mais sensibilidade para perceber que teria que reconquistá-la e não se afastar, talvez pudessem resolver esse conflito sem barreiras criadas inconscientemente.
A falta de percepção dos próprios sentimentos e a necessidade de entrar em contato com eles pode fazer com que o inconsciente busque outras formas de se expressar, fazendo com que a pessoa comece a comer compulsivamente e assim eleve seu peso. A pessoa não sabe exatamente o que a motivou a isso, pois a 'gordura' pode ser considerada simbolicamente uma proteção para a pessoa, ao permitir que ela justifique para si mesma uma distância da qual na verdade tem outro motivo e que precisa ser identificado. Por isso é importante buscar a origem pelo qual começou a comer em excesso.
Se estiver usando seu excesso de peso para punir seu parceiro, decida acabar com isso e procure maneiras de lidar com o conflito sem prejudicar ninguém, inclusive você mesma. Para evitar isso o indicado sempre é manter contato com o que sente. Ainda que a machuque, não fuja, não reprima, não bloqueie. Permita-se sentir seus sentimentos 
...
==============~~~~~~~~~~~~~~~~=================~~~~~~~~~~~~
...
repetição é necessária para o aprendizado. E educar, o que é? É ensinar, adestrar, repetir, insistir, limitar para então conscientizar, responsabilizar e libertar. Esta libertação trará a formação de uma história pessoal atrelada à história do grupo ao qual pertenço, e que me trará o autorrespeito, a minha honra e, então, a querida felicidade.
...
se não apreendermos, não há evolução. Seria como se cada humano voltasse à ‘estaca zero’ sempre. Se não tivermos um conhecimento anterior, não seremos capazes de discernir entre o bem e o mal. Dessa forma, perderemos a consciência, voltaremos à ingenuidade, não infantil, mas ignorante.
...
uma nota de 100 reais, não importa se está velha ou nova, amassada ou não, o seu valor será o mesmo. Da mesma maneira, o pudor, a bondade, a ética, a verdade, a dignidade e a honestidade são considerados bons valores e devem ser reconhecidos por todo um grupo 
...
valor é conhecer a verdade, entender as diferenças, discernir o bem e o mal, valorizar o que é útil para todos: a liberdade e a felicidade. O conhecimento da verdade tem que ser a ferramenta para a liberdade coletiva.
E isso é exercer a felicidade, pois apenas sou feliz quando abro possibilidade para a felicidade do outro. A minha liberdade ou a minha felicidade não acaba quando começa a do outro, mas termina quando acaba a do outro. 
"O costume, pois, é o grande guia da vida humana" disse David Hume, e é por isso que repetir o conhecimento anterior deve ser um costume, uma tradição, um alimento para a nossa memória, um degrau que já foi subido para dar impulso aos que estão vindo.
Conhecimento é transmissão. Os mais velhos são o húmus da terra. Eles a fertilizam. Quando ensinam, lançam sementes para os mais jovens.
...
--
" Saber, e re-Conhecer, na prática cotidiana que 'eu sou o que eu sou'  ... facilita muito !” Olair Rafael (1959 - 2169?!!)
.'.
Dr Olair Rafael Seeemmpre Melhorrr
Homeopatia - Pediatria - Medicina do Trabalho  
--
Para se ELIMINAR basta responder com "REMOVER"


Permalink

| Leave a comment  »

domingo, 17 de junho de 2012

Lowell Johnson (1920-2012)

Lowell Johnson (1920-2012): Há cerca de 20 anos atrás, quando preparava um curso de aprofundamento sobre o Convénio, tive necessidade de encomendar um livro sobre o assunto. Intitulava-se The Eternal Covenant, e era escrito Lowell Johnson, um Bahá’í residente na África do Sul. Um ano depois tive a oportunidade de conhecer pessoalmente o autor, numa Convenção Internacional. Passados tantos anos, não me lembro das palavras que trocámos na altura; mas a imagem do senhor de cabelo branco e sorriso jovial ficou sempre na minha memória.



Na última semana, o site oficial dos Bahá’ís dos EUA anunciou que Lowell Johnson falecera em Joanesburgo, África do Sul, em 25 de Abril de 2012, poucos dias antes de seu 92º aniversário.



Nascido em 1920 em Ethan, Dakota do Sul (EUA), Lowell cresceu nas áreas de Mitchell e Spearfish. Como um sargento do Exército dos EUA, recebeu uma Estrela de Bronze pelo serviço como operador de rádio na Segunda Guerra Mundial. Mais tarde alargou a sua experiência de rádio com um diploma de mestre pela Universidade Northwestern, em Evanston, Illinois.



Em 1949, quando ensinava escrita para rádio na Universidade de Siracusa (Nova Iorque), Lowell descobriu e abraçou a Fé Bahá’í. Tornou-se imediatamente um divulgador entusiasta da Fé, e nos anos seguintes serviu em diversas comissões Bahá’ís e ainda na comissão de supervisão da Escola Bahá’í de Green Acre.



Em 1952 casou-se com Edith Segen, e começara a estudar a possibilidade de se mudarem para outro país com o objectivo de ajudar o desenvolvimento da Fé, em resposta a um apelo de Shoghi Effendi. No ano seguinte mudaram-se como pioneiros Bahá’ís para a Cidade do Cabo, África do Sul.



Alguns meses depois, Lowell conseguiu o seu primeiro emprego numa emissora de rádio. Nas três décadas seguintes, na Cidade do Cabo e, mais tarde, em Joanesburgo, tornou-se conhecido como locutor da South African Broadcasting Corporation em programas de jazz e artes dramáticas.



No início de sua presença na África do Sul, Shoghi Effendi transmitiu instruções de que o ensino e o desenvolvimento da Fé na África do Sul devia se concentrar nos africanos, através de actividades cuidadosas e discretos.



Edith Johnson escreveu mais tarde que, como as leis do apartheid e da sociedade branca impediam reuniões inter-raciais, isso significava uma "vida dupla" para o Johnsons e outros pioneiros americanos e europeus. Edith e Lowell escolheram lugares para morar, onde amigos africanos, "mestiços" e curiosos podiam ir e vir atraindo pouca ou nenhuma atenção dos vizinhos brancos. Ela descreveu esses encontros como tranquilos e alegre, em quartos forrados com pesadas cortinas.



A partir de 1962, Lowell foi eleito para a Assembléia Espiritual Nacional da África do Sul. Serviu nessa instituição durante 33 anos consecutivos, a maior parte do tempo como secretário. Nos primeiros anos, a área de acção dessa Assembleia estendia-se a vários países.



Ao longo dos anos, viajou muito para promover a fé, bem como ajudar a formar e consolidar comunidades Bahá’ís na África Austral e Ocidental. Tinha por hábito encorajar outros Bahá’ís a ir para a África do Sul, temporária ou permanentemente, para apoiar as actividades da Fé. Mantinha correspondência, partilhava oportunidades de emprego e ajudava as pessoas a estabelecerem-se após a sua chegada.



Também visitava frequentemente a América do Norte, investindo tempo a inspirar e educar muitas comunidades locais, incluindo algumas na sua terra natal, Dakota do Sul.



Escreveu vários livros sobre temas Bahá'ís, alguns dos quais foram publicados em todo o mundo. Entre estes encontram-se The Eternal Covenant, sobre a força unificadora central da Fé; Remember My Days, uma história da vida de Bahá'u'lláh, escrita para os jovens; e Reginald Turvey / Vida e Arte, sobre um artista que também foi fundador da comunidade Bahá’í da África do Sul.



Num ensaio escrito em 1970, Lowell apresentou a sua perspectiva Bahá’í sobre o relacionamento pessoal com o Criador:

"Cada parte do mundo tem o seu próprio modo de vida, que pode - ou não - basear-se na virtude. Mas quando uma pessoa se muda para um novo local onde o modo de vida é diferente, ele encontra novos padrões de moralidade e acção, e ele é forçado a decidir entre o antigo e o novo. É então que ele deve procurar a sua alma para descobrir o que é a verdade. E pode descobrir que não se conhece suficientemente bem para fazer a escolha certa. Em seguida, as falhas começam a aparecer...



"Tudo o que vem de Deus é bom; portanto, Deus não semeou falhas dentro de nós. Esta veio de alguma experiência, ou foi ensinado por alguém. Ou talvez seja o outro lado de uma virtude que ainda não foi desenvolvida. Mas, a maneira de descobrir é orar e meditar - especialmente meditar. Compare-se... as acções actuais com os padrões mantidos por Bahá'u'lláh e 'Abdu'l-Bahá. Pouco um pouco a pessoa vai começar a conhecer-se melhor, e a virtude crescerá."


Numa mensagem de homenagem dirigida à Assembleia Espiritual Nacional da África do Sul, a Casa Universal de Justiça escreveu: "Ficámos consternados ao saber do falecimento do amado Lowell Johnson. As suas quase seis décadas de serviço como um promotor inflexível da Causa em toda a África Austral são lembradas com profunda gratidão. A sua dedicação à Causa de Deus, a devoção ao Convénio, o amor por África e seus povos, o entusiasmo pelo ensino, mais de trinta anos como membro da sua Assembleia Espiritual Nacional, e grandes esforços para documentar a história dos primeiros anos da Fé na região, são um testamento duradouro de uma vida de serviço consagrado."



Adeus, Lowell.

Encontramo-nos no Reino de Abhá!

Atom

O Lotus de Bahapur

O Lotus de Bahapur:

sábado, 16 de junho de 2012

Rabindranath Tagore

Rabindranath Tagore:
Não sei de que distantes tempos está
sempre vindo, cada vez mais perto,
ao meu encontro.
O teu sol e as tuas estrelas nunca
poderão esconder-se de mim para sempre.
Por várias manhãs e várias tardes os
teus passos foram ouvidos e o teu
mensageiro entrou no meu coração
e chamou-me em segredo.
Não sei porque está tão agitada hoje
a minha vida, e porque me está
atravessando o coração um sentimento
de trêmula alegria.
É como se estivesse chegado a hora
de dar por findo o meu trabalho;
e sinto no ar um aroma da tua presença.




***************************************************************************
Tagore, um poeta do espírito...Quem ainda não conhece seus poemas, pode buscar suas poesias,, na internet, nas bibliotecas, livrarias.......Fazem bem a alma, num mundo tão obscurecido pela materialidade....
Sônia


atom

If you're happy and you know it



**************************************************************************************
"Todos que são felizes batem  palmas."..Como cantávamos esta canção com as crianças e devemos continuar cantando ..... Crianças gostam de cantar e quando a canção envolve movimentos fica ainda mais aderindo a mesma....
Sônia

Atom

AULA SOBRE REFRIGERANTES

AULA SOBRE REFRIGERANTES:
Na verdade, a fórmula 'secreta' da Coca-Cola se desvenda em 18 segundos em qualquer espectrômetro-ótico, e basicamente até os cachorros a conhecem. Só que não dá para fabricar igual, a não ser que você tenha uns 10 bilhões de dólares para brigar com a Coca-Cola na justiça, porque eles vão cair matando. A fórmula da Pepsi tem uma diferença básica da Coca-Cola e é proposital exatamente para evitar processo judicial. Não é diferente porque não conseguiram fazer igual não, é de propósito, mas próximo o suficiente para atrair o consumidor da Coca-Cola que quer um gostinho diferente com menos sal e açúcar. Entre outras coisas, fui eu quem teve que aprender tudo sobre refrigerante gaseificado para produzir o guaraná Golly aqui (nos EUA), que usa o concentrado Brahma. Está no mercado até hoje, mas falhou terrivelmente em estratégia promocional e vende só para o mercado local, tudo isso devido à cabeça dura de alguns diretores. Tive que aprender química, entender tudo sobre componentes de refrigerantes, conservantes, sais, ácidos, cafeína, enlatamento, produção de label de lata, permissões, aprovações e muito etc. e tal. Montei um mini-laboratório de análise de produto, equipamento até para analisar quantidade de sólidos, etc. Até desenvolvi programas para PC para cálculo da fórmula com base nos volumes e tipo de envasamento (plástico ou alumínio), pois isso muda os valores e o sabor. Tivemos até equipe de competição em stock-car. Tire a imensa quantidade de sal que a Coca-Cola usa (50mg de sódio na lata) e você verá que a Coca-Cola fica igualzinha a qualquer outro refrigerante sem-vergonha e porcaria, adocicado e enjoado. É exatamente o Cloreto de Sódio em exagero (que eles dizem ser 'very low sodium') que refresca e ao mesmo tempo dá sede em dobro, pedindo outro refrigerante, e não enjoa porque o tal sal mata literalmente a sensibilidade ao doce, que também tem de montão: 39 gramas de 'açúcar' (sacarose). É ridículo, dos 350 gramas de produto líquido, mais de 10% é açúcar. Imagine numa lata de Coca-Cola, mais de 1 centímetro e meio da lata é açúcar puro... Isso dá aproximadamente umas 3 colheres de sopa CHEIAS DE AÇÚCAR POR LATA !... - Fórmula da Coca-Cola?... Simples: Concentrado de Açúcar queimado - Caramelo - para dar cor escura e gosto; ácido ortofosfórico (azedinho); sacarose - açúcar (HFCS - High Fructose Corn Syrup - açúcar líquido da frutose do milho); extrato da folha da planta COCA (África e Índia) e poucos outros aromatizantes naturais de outras plantas, cafeína, e conservante que pode ser Benzoato de Sódio ou Benzoato de Potássio, Dióxido de carbono de montão para fritar a língua quando você a toma e junto com o sal dar a sensação de refrigeração. O uso de ácido ortofosfórico e não o ácido cítrico como todos os outros usam, é para dar a sensação de dentes e boca limpa ao beber, o fosfórico literalmente frita tudo e em quantidade pode até causar decapamento do esmalte dos dentes, coisa que o cítrico ataca com muito menor violência, pois o artofosfórico 'chupa' todo o cálcio do organismo, podendo causar até osteoporose, sem contar o comprometimento na formação dos ossos e dentes das crianças em idade de formação óssea, dos 2 aos 14 anos. Tente comprar ácido fosfórico para ver as mil recomendações de segurança e manuseio (queima o cristalino do olho, queima a pele, etc.). Só como informação geral, é proibido usar ácido fosfórico em qualquer outro refrigerante, só a Coca-Cola tem permissão... (claro, se tirar, a Coca-Cola ficará com gosto de sabão). O extrato da coca e outras folhas quase não mudam nada no sabor, é mais efeito cosmético e mercadológico, assim como o guaraná, você não sente o gosto dele, nem cheiro, (o verdadeiro guaraná tem gosto amargo) ele está lá até porque legalmente tem que estar (questão de registro comercial), mas se tirar você nem nota diferença no gosto. O gosto é dado basicamente pelas quantidades diferentes de açúcar, açúcar queimado, sais, ácidos e conservantes. Tem uma empresa química aqui em Bartow, sul de Orlando. Já visitei os caras inúmeras vezes e eles basicamente produzem aromatizantes e essências para sucos. Sais concentrados e essências o dia inteiro, caminhão atrás de caminhão! Eles produzem isso para fábricas de sorvete, refrigerantes, sucos, enlatados, até comida colorida e aromatizada. Visitando a fábrica, pedi para ver o depósito de concentrados das frutas, que deveria ser imenso, cheio de reservatórios imensos de laranja, abacaxi, morango, e tantos outros (comentei). O sujeito olhou para mim, deu uma risadinha e me levou para visitar os depósitos imensos de corantes e mais de 50 tipos de componentes químicos. O refrigerante de laranja, o que menos tem é laranja; morango, até os gominhos que ficam em suspensão são feitos de goma (uma liga química que envolve um semipolímero). Abacaxi é um festival de ácidos e mais goma. Essência para sorvete de Abacate? Usam até peróxido de hidrogênio (água oxigenada) para dar aquela sensação de arrasto espumoso no céu da boca ao comer, típico do abacate. O segundo refrigerante mais vendido aqui nos Estados Unidos é o Dr. Pepper, o mais antigo de todos, mais antigo que a própria Coca-Cola. Esse refrigerante era vendido obviamente sem refrigeração e sem gaseificação em mil oitocentos e pedrada, em garrafinhas com rolha como medicamento, nas carroças ambulantes que você vê em filmes do velho oeste americano. Além de tirar dor de barriga e unha encravada, também tirava mancha de ferrugem de cortina, além de ajudar a renovar a graxa dos eixos das carroças. Para quem não sabe, Dr. Pepper tem um sabor horrível, e é muito fácil de experimentar em casa: pegue GELOL spray, aquele que você usa quando leva um chute na canela, e dê um bom spray na boca! Esse é o gosto do tal famoso Dr.Pepper que vende muito por aqui. - Refrigerante DIET Quer saber a quantidade de lixo que tem em refrigerante diet? Não uso nem para desentupir a pia, porque tenho pena da tubulação de pvc... Olha, só para abrir os olhos dos cegos: os produtos adocicantes diet têm vida muito curta. O aspartame, por exemplo, após 3 semanas de molhado passa a ter gosto de pano velho sujo. Para evitar isso, soma-se uma infinidade de outros químicos, um para esticar a vida do aspartame, outro para dar buffer (arredondar) o gosto do segundo químico, outro para neutralizar a cor dos dois químicos juntos que deixam o líquido turvo, outro para manter o terceiro químico em suspensão, senão o fundo do refrigerante fica escuro, outro para evitar cristalização do aspartame, outro para realçar, dar 'edge' no ácido cítrico ou fosfórico que acaba sofrendo pela influência dos 4 produtos químicos iniciais, e assim vai... A lista é enorme. Depois de toda essa minha experiência com produção e estudo de refrigerantes, posso afirmar: Sabe qual é o melhor refrigerante? Água filtrada, de preferência duplamente filtrada, laranja ou limão espremido e gelo... Mais nada !!! Nem açúcar, nem sal. (AUTOR: ANÔNIMO - por motivos óbvios) _____________________________________________________________
Claro que, sabendo disso, você vai olhar diferente para um refrigerante. E, naturalmente, gostando de si próprio, vai preferir saúde.
“O QUE VOCÊ FAZ FALA MAIS ALTO DO QUE O QUE VOCÊ FALA!!!”
--------------------------------- -------------------------- -------------------- Prof. Dr. Carlos Alexandre Fett Faculdade de Educação Física da UFMT Mestrado da Nutrição da UFMT Laboratório de Aptidão Física e Metabolismo - 3615 8836 Consultoria em Performance Humana e Estética **O QUE ACONTECE QUANDO VOCÊ ACABA DE BEBER UMA LATA DE REFRIGERANTE** Primeiros 10 minutos:10 colheres de chá de açúcar batem no seu corpo, 100% do recomendado diariamente. Você não vomita imediatamente pelo doce extremo, porque o ácido fosfórico corta o gosto. 20 minutos:O nível de açúcar em seu sangue estoura, forçando um jorro de insulina. O fígado responde transformando todo o açúcar que recebe em gordura (É muito para este momento em particular). 40 minutos:A absorção de cafeína está completa. Suas pupilas dilatam, a pressão sanguínea sobe, o fígado responde bombeando mais açúcar na corrente. Os receptores de adenosina no cérebro são bloqueados para evitar tonteiras. 45 minutos:O corpo aumenta a produção de dopamina, estimulando os centros de prazer do corpo. (Fisicamente, funciona como com a heroína..) 50 minutos:O ácido fosfórico empurra cálcio, magnésio e zinco para o intestino grosso, aumentando o metabolismo. As altas doses de açúcar e outros adoçantes aumentam a excreção de cálcio na urina, ou seja, está urinando seus ossos, uma das causas das OSTEOPOROSE. 60 minutos:As propriedades diuréticas da cafeína entram em ação. Você urina. Agora é garantido que porá para fora cálcio, magnésio e zinco, os quais seus ossos precisariam.. Conforme a onda abaixa você sofrerá um choque de açúcar. Ficará irritadiço. Você já terá posto para fora tudo que estava no refrigerante, mas não sem antes ter posto para fora, junto, coisas das quais farão falta ao seu organismo . *Pense nisso antes de beber refrigerantes. Se não puder evitá-los, modere sua ingestão! Prefira sucos naturais. Seu corpo agradece!* Se achar interessante, repasse. Certamente estará fazendo bem a alguém.
atom

Endymion - John Keats

Postagem do Blog: http://docecomoachuva.blogspot.com/
Endymion - John Keats:
O que é belo há de ser eternamente 
Uma alegria, e há de seguir presente. 
Não morre; onde quer que a vida breve Nos leve, há de nos dar um sono leve, Cheio de sonhos e de calmo alento.
 Assim, cabe tecer cada momento Nessa grinalda que nos entretece À terra, apesar da pouca messe
 De nobres naturezas, das agruras, Das nossas tristes aflições escuras, Das duras dores.
 Sim, ainda que rara, Alguma forma de beleza aclara As névoas da alma. 
O sol e a lua estão Luzindo e há sempre uma árvore onde vão Sombrear-se as ovelhas; cravos, cachos De uvas num mundo verde; riachos Que refrescam e o bálsamo da aragem Que ameniza o calor; musgo, folhagem, Campos, aromas, flores, grãos, sementes, 
E a grandeza do fim que aos imponentes Mortos pensamos recobrir de glória,
 E os contos encantados na memória: Fonte sem fim dessa imortal bebida Que vem dos céus e alenta a nossa vida. Trad. Augusto de Campos

***********************************************************************************
Linda ... Sônia Maria

Alvorada Cultural - 1ª edição - EMCANTAR - Uberlândia - MG



*********************************************************************************


Projeto EMCANTAR vale a visitar a página, um projeto  musical-cultural, visão ecológica, de paz através do cantar. com ação também  nas escolas.. Projeto localizado em Uberlândia- tem CDS, DVDS...e Ações desenvolvidas em escolas..
Excelentes músicas sobre a natureza,, canções folclore ..Ótimas musicas para usarmos ema ações que promovem a diversidade, o respeito a natureza e a cultura nacional.
Sônia




atom

Vasos Inusitados

Vasos Inusitados:
As vezes quando recebemos flores o então colhemos no jardim, vem sempre na cabeça onde vamos coloca-las.
Em um vaso que é sempre o mais óbvio ou então em outro recipiente qualquer, e pensando nisso sai a procura de um novo vaso.
Aquele em que nunca pensaríamos em colocar flores e veja só o que andei encontrando por ai.
Copos
Canecas
Lampadas
Latas
Cintos, ops. Cintos, adorei.
Já vi papo cabeça, mas Vaso cabeça, primeira vez.
Saleiro, fofo.
Casca de ovo, demais.
Bule, já conhecia, gosto muito
Bule, xícaras e canecas, lindo.
Adoro todos vocês.
Um excelente Carnaval a todos, bebam muita aguá e aproveitem tudo com moderação.
Mas deem muita risadas.
Beijos.
atom

[Comunidade Bahá'í do Brasil] Painel sobre papel das religiões reúne diferentes tradições em torno do princípio da guardiania

[Comunidade Bahá'í do Brasil] Painel sobre papel das religiões reúne diferentes tradições em torno do princípio da guardiania:
Painel sobre papel das religiões reúne diferentes tradições em torno do princípio da guardiania .
Evento na Cúpula dos Povos - Na Tenda Religiões por Direitos
Abertura da Cúpula dos Povos é marcada pela diversidade e pelo busca por oportunidades de diálogo

Começou hoje (15) no Aterro do Flamengo, a Cúpula dos Povos, evento paralelo à Rio+20. O evento segue até 23 de junho e conta com a participação de cerca de 50 mil pessoas, entre brasileiros e estrangeiros, de várias organizações da sociedade civil.
Na tenda Religiões por Direitos, uma parceria entre a Comunidade Bahá’í do Brasil, a Iniciativa das Religiões Unidas (URI), a ABRAWICCA, a Brahma Kumaris e o Centro de Umbanda Casa do Perdão promoveu um painel acerca do papel da religião na sociedade, com foco na ação social para o desenvolvimento.
“Num mundo cada vez mais secularizado, não estamos falando de rituais e dogmas, mas sim de valores espirituais intrínsecos de cada ser humano e da forma como esses valores podem ser postos em prática em forma de ação social”, afirmou Mary Aune, membro da delegação bahá'í para o evento.
Para os bahá’ís, o conceito da guardiania é essencial para que os direitos humanos possam atingir sua mais elevada expressão. “É a relação do cuidado e do cuidador, do direito e da responsabilidade”, afirmou Mary. “Isso nos leva para uma reflexão acerca do direito à liberdade religiosa e da nossa responsabilidade de proteger a liberdade religiosa do outro.” Para ilustrar esse conceito, ela trouxe o exemplo da perseguição sofrida pelas religiões de matriz africana no Brasil e traçou um paralelo com a situação imposta aos bahá’ís no Irã.
As falas dos demais participantes convergiram para os interesses comuns de desenvolvimento humano – tanto no nível individual quanto comunitário. Para Mavesper Cy Cerydwen, representante da religião Wicca, os seguidores de religiões afro-brasileiras são de fato o grupo religioso que sofre o maior grau de perseguição no Brasil. “Mas o preconceito e a discriminação contra bruxos e wiccanos, que representam uma parcela relativamente pequena da população brasileira, é consideravelmente alto,” afirma ela. “A pergunta mais comum quando dizemos que somos bruxas é ‘cadê a sua vassoura?’. Outros acham que é uma piada.”
“Muitas pessoas perdem seus empregos pelo fato de serem bruxas; muitas mães perdem a guarda de seus filhos porque seus companheiros as acusam de serem uma má influência para as pessoas”, diz Mavesper.
Para a espiritualista Ana Maria, da URI – Salvador, a unidade na diversidade é algo que deve ser aprendido na família e na escola. “Na minha casa, cada um tem uma religião diferente, e meus pais nos ensinaram a valorizar as diferenças e conviver com elas de maneira pacífica. Mas muitas crianças não tem essa oportunidade em casa, e portanto as escolas precisam favorecer o respeito e a tolerância desde cedo”.
A representante da Brahma Kumaris junto às Nações Unidas, Valeriane Bernard, compartilhou a visão de que os indivíduos precisam estar em harmonia interior e exterior a fim de poderem contribuir com o desenvolvimento da sociedade. “A harmonia é tanto uma opção individual quanto um trabalho. É preciso compartilhar as ferramentas para aprender a se harmonizar consigo mesmo para então comunicar essa harmonia para com os outros”, afirmou ela.
Para o Reverendo Elias Pinto, a solução para os conflitos religiosos virá quando passarmos a enxergar o Sagrado de maneira diferente. “Precisamos ser como a mãe que enxerga a diversidade em sua casa, entre seus filhos, e fora dela, entre os filhos de outras mães”.
“A oportunidade de conhecer pessoas diferentes faz com que passemos a respeitar as diferenças, a valorizar os amigos que fazemos ao longo desse caminho”, afirmou ele.
Elias finalizou sua fala dizendo que os bahá’ís são uma face bela do Irã, assim como o são tantos outros grupos que hoje sofrem discriminações e perseguições. “Precisamos olhar para a beleza e crescer a luz do coração, superar as fases da história que passaram e que não tem mais lugar, a fim de que essas fases cedam espaço para que o Sagrado possa envolver a todos.”

Jordana Araújo
Assessoria de Comunicação
Secretaria Nacional de Ações com a Sociedade e o Governo - SASG
Comunidade Bahá'í do Brasil
(+55 61) 3255 2200



Permalink

| Leave a comment  »

sexta-feira, 15 de junho de 2012

DENISE STOKLOS ABRE O FILO 2012

DENISE STOKLOS ABRE O FILO 2012: Ontem o FILO abriu sua programação com a excelente performance da atriz Denise Stoklos na peça "Preferiria, não", encenada no Teatro Marista.



A abertura teve a presença do Prefeito Barbosa Neto, da Reitora Nádina Moreno, do Vice-Presidente da Câmara Rony Alves, do Diretor do FILO Luiz Bertipaglia, do Secretário de Cultura Aldo Moraes e dos representantes da UNIMED e Caixa Econômica Federal.



A programação do FILO vai até 30/6 e pode ser conferida em:



www.filo.art.br





Atom

Debatedores da Rio+20 exibem diversidade nos trajes e nos gestos

Debatedores da Rio+20 exibem diversidade nos trajes e nos gestos:



Centro de Convenções já vem sendo chamado de Nações Unidas do Riocentro



RIO — O futuro da Terra está no centro da pauta comum e, embora separados por alguns metros de distância, os debatedores da Rio+20 exibem uma diversidade que mostra bem a imensa diferença cultural — e de expectativas — que fazem do Centro de Convenções da Barra o que muitos já chamam de Nações Unidas do Riocentro.





De um lado, diplomatas sisudos negociam cada vírgula do documento final da conferência no Pavilhão 5. Do outro, véus, turbantes e estampas coloridíssimas disputam a atenção com incontáveis — e cinzentas — reivindicações políticas e ambientais no Pavilhão T do Riocentro. Em plenários semivazios, a indumentária de muitos homens e mulheres rouba a cena no território das organizações não governamentais.





— Precisamos aparecer. Mostrar que a verdadeira chave para o problema está aqui, e não lá (no Pavilhão 5) — diz a camaronesa Rosaline Menga, exibindo uma túnica vermelha e um chamativo turbante.





Integrante da ONG Voz das Mães Africanas, ela veio ao Rio defender soluções para engajar as mulheres de seu continente na agricultura familiar sustentável. Rosaline não esconde uma ponta de decepção quando perguntada sobre a consciência ambiental em Camarões. Ela conta que o povo não tem consciência da gravidade da situação em um país que já perdeu boa parte de suas riquezas naturais:



— Nosso verde já foi extinto, o solo está afetado e a água, contaminada. Estamos aqui para que mulheres e jovens tenham a chance de aprender, plantar e recuperar.





Já Bartolo Ushigua, dirigente da Confederação de Nacionalidades Indígenas do Equador (Conaie), veio de Quito para dizer não à economia verde.



— Somos contra o que se chama economia verde hoje. Não se deve entregar às empresas os recursos do planeta. Defendemos uma política que mantenha o equilíbrio entre os seres humanos e a Natureza, em que há elementos sagrados para nós, índios.





O Globo

Atom