segunda-feira, 28 de novembro de 2011

O SINDROME DO PANICO NOS TEMPOS QUE VIVEMOS

O SINDROME DO PANICO NOS TEMPOS QUE VIVEMOS:
Começa a ser muito comum a sensação de insegurança ou medo na vida das pessoas nos tempos que vivemos, com o surgimento de uma Crise Global que vai causando cada vez mais sintomas de pânico ou perturbações de ordem mental ou emocional que cada um vai gerindo conforme suas capacidades, havendo uma maior recorrência a consultas médicas com o aumento de consumo de medicamentos para o stress, depressões, ansiedade, etc.
Concorre para essa realidade o facto de haver hoje muita informação negativa sobre factos e acontecimentos que dalgum modo actuam no subconsciente pessoal ou colectivo com noticias chocantes ou perturbadoras que chegam através dos órgãos de comunicação social que diariamente são transmitidas pelo mundo inteiro causando impacto negativo e direi mesmo traumático na maioria das pessoas do século actual.
Deste modo, seria bom saber que tudo é a consequência do que há muito andamos a fazer e nada acontece por acaso em nossas vidas presentes como reflexo de nossos próprios pensamentos e comportamentos. Isto sucede não só a nível individual mas a nível colectivo afectando toda a Sociedade Actual.
Assim, é preciso haver uma certa transformação interior em nossas vidas para que tudo seja melhor no exterior pela projecção de energias mais positivas que em se juntando umas ás outras formam uma Egrégora Mental no Planeta que pode mudar seu estado vibratório para um nível mais elevado e abrir “portais de luz” do Universo para a Terra, curando esta e sua Humanidade de todos os males engendrados que ao longo do tempo foram acumulados.
Fala-se inclusivamente do Portal 11:11:11, ou seja 11 de Novembro de 2011, como uma data que pode permitir um fluxo harmonioso do Amor Divino que se manifesta em cada um de nós se para ele estivermos preparados. Isto pode causar um impacto positivo no lobo temporal do cérebro e no coração de forma a que retome suas dimensões normais e cumpra seu “projecto original”. Os traumas sofridos no córtex pré-frontal fazem mesmo com que uma pessoa fique presa obstinadamente a estratégias que não funcionam ou que não consigam desenvolver uma sequência de acções corretas. Esse é de resto o problema de muitos decisores políticos do nosso tempo.
De facto, ao longo dos anos, esta parte frontal do cérebro tem sido muito estimulada pelas pressões de vária ordem, incluindo as preocupações do futuro, crenças e abundante informação noticiosa do nosso tempo. Muito do que é chamado de “informação” é projetado para aumentar o fluxo das energias do medo que se instala e pode levar ao aumento de disturbios e desequilíbrios com Transtornos de Stress Pós-Traumático (TSPT) e condições psiquiátricas mais graves.
Os pensamentos de medo que afligem hoje em dia milhões de pessoas pode no entanto ser melhor controlado por uma simples prece sincera do coração, do que recorrer ao consumo de tranquilizantes ansiolíticos ou anti-depressivos que nada resolvem e até podem provocar dependência como o viciado da nicotina, da cafeina do alcool, etc. que também recorre a esses produtos como um refúgio ilusório para ‘abafar’ algum mal-estar em sua vida buscando uma ‘saida’ para aliviar estados de tensão. Porém não é uma solução! Conheço até doentes vítimas de seus vícios que os sustentam até á cova!
Enfim, creio mais no poder da Fé e Confiança que devemos ter naquilo em que verdadeiramente acreditamos, mudando a qualidade de nossos pensamentos e projectá-los para um Mundo melhor, com mais verdade e mais Amor. Isso parte de cada um de nós que devemos nos afinizar mentalmente com os Poderes da Luz ou do Universo e isso se consegue por uma mudança de atitudes e mentalidades aqui na Terra, para vibrarmos ao seu nível das energias de uma Nova Era.
Rui Palmela
Caro leitor, acesse o blog para ler outros artigos e acompanhar as novidades. Artigo original de Alvorecer 2006-2011 - Todos os direitos reservados
atom

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários que contribuam para melhorar o BLOG,Mensagens similares,voltadas para o bem-estar humano.
paz,unidade,educacao,cidadania,familia,espiritualidade,direitoshumanos,bahai