terça-feira, 3 de setembro de 2013

Fábula escrita por Howard Colby Yves sobre a busca .do verdadiero Amigo........




Fábula escrita por Howard Colby Yves 
sobre a busca do 
Verdadeiro Amigo

Publicada no Livro:
 "Portais  Para a Liberdade"
   pag106-107


Editora Bahai do Brasil
 www.editorabahaibrasil.com.br

"Uma vez um viajante estava perdido em denso deserto.
Parecia que andava desolado, desde tempos ilimitados.
Nenhum caminho havia, nem sol, por meio do qual se orientar.
As urzes laceravam-lhe a carne, vento e chuva impiedosos despejavam sua ira.
Ele não tinha lar. 
Então, repentinamente, quando a esperança ia fenecendo, ele chegou ao flanco de uma montanha que sobranceava um vale encantador, no qual havia um palácio celestial, o próprio Lar dos seus sonhos.
Com indescritível júbilo, precipitou-se a entrar.
Mas mal colocara os pés no pátio, quando uma máo pesada leh agarrou o pescoço, e ele de novo se viu naquele terrível deserto.
Agora porém, náo estava ele sem esperança.
Tinha visto o seu lar.
E com uma coragem antes desconhecida, saiu à sua procura.
Foi mais cuidadoso agora. 
Esquadrinhou os sinais de Caminho.

E empenhou-se em atravessar a escuridão ameaçadora para  vislumbrar a luz
E após cansativa busca, novamente viu o seu lar.
Agora foi mais cuidadoso.
Não se precipiou a entrar.
Ele observou onde se situava.
Orientou-se pelo sol,
E mansamente, seus pés reverentes entraram.
Mas, ah! 
Novamente a mão pesada o puxou daquele lar querido e ele mais uma vez se viu de volta ao vasto deserto.
Mas agora seu coraçáo, de modo algum estava abatido.
Ele possuía a orientação.
E, com grande júbilo, novamente saiu à sua busca.
O céu ficou claro sobre sua cabe;a,e os raios do sol ajudaram.
E logo, muito mais cedo do que antes, achou de novo seu lar e lá entrou.
Desta vez mais calmo e seguro.
Desta vez , nenhum medo teve da máo que o agarrava.
E quando ela veio e o agarrou, e ele voltou àquele deserto vil das coisas terrenas,
apressou-se com os pés firmes, na sua busca.
Plenamente agora, o Sol resplandecia.
As cançóes dos pássaros lhe encantavam os ouvidos.
E agora abriu ele um Caminho e , arrancando a vegetação que o embargava, seguia.
Pois bem sabia que muitas vezes, por este caminho, teria ele de ir e vir, enquanto neste mundo.
Mas encontrara seu lar, e quando o rugido dos homens perturbava,
 E vinha a escuridáo, às pressas , ele voltava do EU para DEUS"
.....................................................................................................
Um bom-dia,  sempre estamos e estaremos no ir e vir, em direção á Deus. 
Bom sabermos, e abrirmos o caminho.
O caminho da verdadeira Liberdade.
O Livro" Portais para a Liberdade, fornece-nos momentos espirituais na busca do caminho.


Simplesmente Sonia Maria
Atom


                 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários que contribuam para melhorar o BLOG,Mensagens similares,voltadas para o bem-estar humano.
paz,unidade,educacao,cidadania,familia,espiritualidade,direitoshumanos,bahai