terça-feira, 11 de junho de 2013

As ruinas de My Son

As ruinas de My Son:
 My Son é um dos vários locais Património da Humanidade no Vietnam. São ruínas de um conjunto de templos khmer, bastante interessantes e numa paisagem lindíssima e de um verde luxuriante.
Mas a verdade é que apenas um mês depois de ter passado por Angkor Wat, no Cambodja, tive de fazer um esforço de concentração para não perder o interesse. Caminha-se por um trilho de três ou quatro quilómetros circular e as ruínas vão-se deixando descobrir. Algumas são espetaculares mas de muitas apenas restam alguns muros.
Mas o que verdadeiramente me cativou foi ver duas crianças na pré-adolescência a pintar à sombra que lhes era dada por um conjunto de árvores. Junto delas estavam duas mulheres jovens. Uma dela entretinha-se a bordar um qualquer desenho, seguindo as indicações de cores que a tela já trazia.
A outra estava mais atenta ao seu papel. De quando em vez levantava-se para ir ter ora com o rapaz ora com a rapariga, observar o seu trabalho e dar algumas indicações.
Ali, sentado com as ruínas à vista, perdi-me a contemplar a cena. O rapaz estava mais compenetrado e pouca atenção me deu, com o olhar sempre em mira para o templo ia dando umas pinceladas no papel montado num cavalete.
A rapariga era mais expansiva e mostrou-se agradada com a atenção que de mim recebia. Tão agradada que a professora lhe foi dizer - imagino - para se concentrar no trabalho. Passados longos minutos pôs de lado os lápis de cera e foi mostrar o desenho a quem de direito.
É este desenho que publico, de cores vivas e com cenas imaginadas. Pedi-lhes primeiro para o ver e depois para o fotografar. Não é difícil quando há vontade de comunicar. Já com o desenho dentro da minha Fuji X10 quis saber o nome da sua autora que escreveu no meu caderno de apontamentos:
"Chamo-me Chanh Ngãn e estudo na escola Nguyen Chan Hãn, telefone nº 09587254".
O número de telefone não é o dela, é o da escola, claro. E a Chanh é esta menina de grande sorriso:





**********************************************************************************************Mas cada dia que visito site do Cabo da Roca a Vladivostok , do nosso amigo viajante- viagem de comboyo, encontro coisas lindas e maravilhosas. Como relata trabalhos de artes com crian;as, gostei entáo mito mais.
Um bom-dia !
Sonia Maria
Atom

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários que contribuam para melhorar o BLOG,Mensagens similares,voltadas para o bem-estar humano.
paz,unidade,educacao,cidadania,familia,espiritualidade,direitoshumanos,bahai