quinta-feira, 13 de junho de 2013

Nossa Senhora e Ho Chi Min- Site do Cabo da Roca a Valdivostoki

Nossa Senhora e Ho Chi Min:
Uma estranha mistura pode ser vista nas lojas de souvenirs junto à montanha de mármore, poucos quilómetros a sul de Da Nang. Louçaria decorada com imagens de Nossa Senhora e de Ho Chi Min, o pai do Vietnam moderno e figura ainda hoje reverenciada no país.
Mais do que uma curiosidade, esta imagem diz muito sobre o Vietnam actual onde a religião é parte importante do dia-a-dia - fundamentalmente o budismo - e onde o culto de personalidade de Ho Chi Min continua muito presente, mesmo em contraste com o estilo de vida do presidente do Vietnam do Norte, que morreu em 1969.
A sua imagem está em todas as escolas do país e é omnipresente na estatuária de todas as cidades. O corpo de Ho Chi Min foi embalsamado contra sua vontade - queria ser cremado - e continua exposto num enorme mausoléu que todos os dias recebe milhares de pessoas na capital, Hanói.
Entrar neste mausoléu e ver - ou prestar homenagem - a Ho Chi Min é algo que se deve fazer na capital vietnamita. Depois de largas filas bem organizadas e que andam a bom ritmo, chegamos à entrada do edifício de mármore. A guarda de honra está com os uniformes brancos de gala e vai orientando os visitantes. Entra-se num edifício onde o ar condicionado mantém uma temperatura baixa em contraste com os 40 graus de temperatura ambiente.
Só por gestos, os guardas impõem o silêncio e mantêm a fila a avançar, em grupos de não mais de 20 pessoas. Entra-se numa sala onde está o sarcófago de Ho Chi Min, com as vermelhas bandeiras do Vietnam e do Partido Comunista esculpidas em mármore. Com uma tez muito amarela, o corpo mumificado de Ho Chi Min parece pouco real. Mas o que importa é a simbologia e esta é forte.
Há turistas e vietnamitas no grupo em que sigo. Duas pessoas atrás de mim, um casal idoso de pequena estatura não esconde a importância do momento. São evidentemente camponeses que pela primeira vez prestam tributo àquele que é considerado o pai do Vietnam Moderno. Ela está com a sua melhor roupa e de chapéu cónico e ele voltou a vestir a farda, onde ostenta uma condecoração.
Já perto do fim, param para prestar a sua homenagem. E os guardas - percebendo evidentemente o significado do momento - mandam todos os outros continuar mas não perturbam o casal.

*********************************************************************************************
Continuo viajando pelo Vitenan com nosso amigo do site=Do Cabo da Ropca a Valdisvotok.
Sonia Maria
Atom


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários que contribuam para melhorar o BLOG,Mensagens similares,voltadas para o bem-estar humano.
paz,unidade,educacao,cidadania,familia,espiritualidade,direitoshumanos,bahai